> Viagens-pelo-Mundo: VIAGEM À AMÉRICA DO SUL

Viagens-pelo-Mundo

7/04/2008

VIAGEM À AMÉRICA DO SUL

AMÉRICA DO SUL
Mapa dos Andes - Andes map
Mapa da América do Sul
South America map

CAPITAIS
VENEZUELA - CARAAS
EQUADOR - QUITO
PERU - LIMA
BOLÍVIA - LA PAZ E SUCRE
CHILE - SANTIAGO
ARGENTINA - BUENOS AIRES
BRASIL - BRASÍLIA
MOEDAS
VENEZUELA - BOLIVAR VENEZUELANO
EQUADOR - DÓLAR AMERICANO
PERU - SOL
BOLÍVIA - BOLIVIANO
CHILE - PESO CHILENO
ARGENTINA - PESO ARGENTINO
BRASIL - CRUZADO

VENEZUELA



CARACAS



A parede de Simon Bolivar, em Caracas, na Venezuela
The Simon Bolivar wall, in Caracas, in Venezuela

Na Praça Simon Boliver
In the Simon Bolivar Square

Na Praça Simon Bolivar
In the Simon Bolivar Square
Na Praça Simon Bolivar
In the Simon Bolivar Square

Na Praça Simon Bolivar
In the Simon Bolivar Square

EQUADOR


QUITO


Em Quito - In Quito


Em Quito - In Quito


Em Quito, na Praça da Independência
In Quito, in the Independence Square

Na Praça da Independência
In the Independence Square


Na Praça da Independência
In the Independence Square


Na Praça da Independência
In the Independence Square


Em Quito, na Igreja dos Jesuitas
In Quito, in the Church of Jesus
Em Quito, na Praça de S. Francisco
In Quito, in S. Francisco Square
Na Praça de S. Francisco
In the S. Francisco Square
No Panecillo, com a Virgem das Asas
In the Panecillo, with the winged Virgin
Em Quito, no Panecillo
In Quito, in the Panecillo

Em Quito, no Panecillo
In Quito, in the Panecillo


Em Quito, na linha do Equador
In Quito, in the Equator line
Na linha do equador - In the equator line

PERU

CUSCO


No Peru, em Cusco, no Convento de S. Domingos
In Peru, in Cusco, in the S. Domingos convent


No Convento de S. Domingos de Gusmão
In the S. Domingos de Gusmão Convent



MACHU PICHU

No Peru, em Machu Picchu
In Peru, in Machu Picchu
Em Machu Picchu - In Machu Picchu

Em Machu Picchu - In Machu Picchu

O rio Urubamba, afluente do rio Amazonas,
em Aguas Calientes, no Peru
The Urubamba river, a tributary of the
Amazon river, in Aguas Calientes, in Peru
No combóio de machu Picchu para Cusco
In the train from Machu Picchu to Cusco


BOLÍVIA


LAGO TITICACA



Na Bolívia, no Lago Titicaca
In Bolivia, in the Titicaca Lake
No Lago Titicaca - In the Titicaca Lake
No Lago Titicaca - In the Titicaca Lake


COPACABANA


Na Bolívia, em Copacabana
In Bolivia, in Copacabana

No Lago Titicaca, em Copacabana
In the Titicaca Lake, in Copacabana
Em Copacabana, com índios aymara
In Copacabana, with aymara indians
Em Copacabana - In Copacabana
Com a Igreja de Nossa Senhora de Copacabana
With the Nossa Senhora de Copacabana Church



LA PAZ



Em La Paz, na Praça de S. Francisco
In La Paz, in S. Francisco Square
Na Praça de S. Francisco
In S. Francisco Square
Em La Paz, na Praça Murillo
In La Paz, in the Murilo Square
Na Praça Murillo - In the Murillo Sqare



CHILE
VALPARAÍSO



Em Valparaíso, com o parlamento do Chile
In Valparaiso, with the Chile parliament


Em Valparaíso - In Valparaiso

Em Valparaíso - In Valparaiso


Em Valparaíso, no antigo funicular railway
In Valparaiso, in the old funicular railway


Em Valparaíso - In Valparaiso



VIÑA DEL MAR


No Chile, em Viña del Mar
In Chile, in Viña del Mar


Em Viña del Mar - In Viña del Mar


SANTIAGO



Em Santiago do Chile, na Praça de Armas
In Santiago do Chile, in the Armas Square



ARGENTINA



BUENOS AIES



Dançando o tango - Dancing the tango

Na Praça de Maio - In the Maio Sqare

Na Praça de Maio, com a Casa Rosada
In the Maio Squre, with the Casa Rosada

Em Buenos Aires, no bairro de Boca
In Buenos Aires, in the Boca quarter
Em Buenos Aires - In Buenos Aires

Em Buenos Aires - In Buenos Aires

Em Buenos Aires - In Buenos Aires
Num cruzeiro no Rio Paraná
In a cruise in the Parana River
Num cruzeiro - In a cruise

No buquebus, de Buenos Aires para Montevideo
In the buquebus, from Buenos Aires to Montevideo
No buquebus - In the buquebus



URUGUAI
MONTEVIDEO


Em Montevideo, na Praça da Independência
In Montevido, in the Independence Square
Na Praça da Independência
In the Independence Square

Na Praça da Independência,
com a velha muralha espanhola
In the Independence Square,
with the old spanish wall


A Praça da Independência e o Palçácio Salvo
The Independence Square and the Salvo Palace


Na Praça da Independência
In the Independence Square

Em Montevideo, com o Parlamento do Uruguai
In Montevideo, with the Uruguai Parliament


BRASIL

RIO DE JANEIRO



No Brasil, no Rio, em Copacabana
In Brasil, in Rio, in Copacabana

Em Copacabana- In Copacabana


Na Baía de Guanabara
In the Guanabara Bay
Em Niterói, no Museu de Arte Contemporânea
In Niterói, in the Museum of Contemporary Art

No Museu de Arte Contemporânea, de Niemeyer
In the Museu of Contemporary Art, from Niemeyer
No Museu de Arte Contemporânea
In the Museu of Contemporary Art

UMA VISITA MARAVILHOSAÀS CIDADES INCAS E A OUTRAS
BELAS CIDADES DA AMÉRICA DO SUL
 

Já há muito tempo que sonhava visitar as principais cidades da América do Sul hispânica, incluindo as cidades da cordilheira andina e os lugares sagrados dos incas. O império inca incluía o Equador, o Peru, a Bolívia, o noroeste da Argentina e o norte do Chile. E as suas cidades situavam-se sempre a grande altitude, pois nesses espaços com mais de três mil metros acima do nível do mar os incas sentiam-se mais perto dos seus deuses do espaço etéreo superior, o Sol, a Lua e o Deus supremo criador, Viracocha.
Visitei as cidades e os lugares mais importantes deste enorme império. E comecei por Quito, a capital do Equador, que se situa a cerca de três mil metros de altitude e cuja parte antiga desce em cascata desde o morro mais alto, o Panecillo (pequeno pão), donde a Virgem das asas de Quito olha com amor a sua cidade. E percorri toda a cidade antiga, património mundial da UNESCO, com a jovem Daniela, uma simpática guia, e ainda fui com ela à linha do equador (la mitad del mundo), onde no dia do solstício do Inverno, em Junho, uma estaca ao meio dia não faz qualquer sombra.
A seguir visitei Cusco e Machu Picchu, no Peru, ambas cidades património da UNESCO. Machu Picchu é muito importante, pois é uma cidade inca quase totalmente preservada, já que beneficiou da circunstância de ser quase inacessível e por isso escapou ao fanatismo religioso e à fúria destruidora dos conquistadores espanhóis.
Com efeito, ainda hoje é muito difícil chegar a Machu Picchu. É preciso primeiro apanhar um comboio em Cusco, que percorre os cento e vinte quilómetros que separam Cusco de Machu Picchu em quase quatro horas, serpenteando lentamente entre as montanhas  dos Andes.
E chegados à estação de Aguas Calientes, é necessário primeiro subir num autocarro até próximo de Machu Picchu e depois seguir a pé por caminhos pedregosos, que lembram as antigas estradas romanas. Mas vale a pena o esforço, pois Machu Picchu é um dos lugares mais belos do mundo.
Quanto a Cusco, palavra quíchua (língua inca) que significa o umbigo do mundo, é uma cidade perfeita que os invasores espanhóis descaracterizaram um pouco, sem no entanto a desfigurarem totalmente. Foi a capital incontestável do imenso império inca e ainda hoje é a mais genuína cidade inca da América do Sul andina.
Então a sua Praça de Armas, com a característica forma de um puma, é a melhor prova do génio urbanístico da civilização inca. Os invasores espanhóis, comandados por Francisco Pizarro, destruíram os templos incas que lá encontraram e em seu lugar construíram quatro igrejas cristãs, entre as quais a catedral de Cusco. E ainda houve o episódio trágico e caricato da condenação à morte do último imperador inca, Atahualpa, por se ter recusado a converter-se ao cristianismo.
E tudo isto aconteceu depois do imperador inca ter oferecido uma quantidade enorme de ouro e de prata aos espanhóis em troca da sua vida e da sua liberdade. Os espanhóis ficaram com o ouro e com a prata, mas mantiveram a condenação de Atahualpa à morte e ainda o obrigaram a baptizar-se, para lhe darem uma morte por enforcamento, menos infamante do que a morte pela fogueira a que o tinham primeiramente condenado.
Felizmente que os pintores incas que intervieram na decoração da catedral de Cusco se vingaram, pintando a Virgem Maria com as formas da Pacha Mama, deusa inca da terra e da fertilidade, e pintando Judas com as feições do sanguinário conquistador espanhol Francisco Pizarro. E é claro que o maior valor da cultura e da religião inca acabaram por vir ao de cima. E é por isso mesmo que hoje a Praça de Armas de Cusco, não obstante as suas quatro igrejas, é bela por ser uma praça inca e não por ser uma praça cristã.
Para terminar o meu périplo pelos lugares sagrados dos incas, visitei a cidade de La Paz e o Lago Titicaca, na Bolívia, ambos com uma altitude de mais de quatro mil metros. Andei mais de trezentos quilómetros por montanhas cheias de neve e passeei no meio de homens e mulheres, índios e índias aymara, em Copacabana e na Ilha do Sol.
Das restantes cidades que visitei, Caracas (Venezuela), Santiago e Valparaíso (Chile), Buenos Aires (Argentina), Montevideo (Uruguai) e Rio de Janeiro (Brasil), a maior surpresa foi sem dúvida a cidade de Buenos Aires, que é uma cidade realmente maravilhosa, com o seu monumental Rio de la Plata, o rio mais largo do mundo (100 quilómetros), com a sua espectacular Avenida 9 de Julho, a avenida mais larga do mundo (140 metros), e com a sua belíssima Praça de Maio, onde se situa a Casa Rosada, residência oficial do Presidente da República. E ainda assisti a um inolvidável show de tango, no Teatro Carlos Gardel.
Valparaíso, cidade chilena património da UNESCO, que visitei antes de Buenos Aires, também é uma cidade lindíssima, com os seus quarenta e cinco morros a descerem até ao porto. Quanto à última cidade que visitei, o Rio de Janeiro, já lá tínha estado há três anos e portanto já sabia que o Rio é a cidade mais bela do mundo. Desta vez limitei-me a relaxar nas alvas areias da praia de Copacabana e apenas fiz um tour até Niterói, que era o único sítio do Rio de Janeiro que ainda não conhecia. E assim terminou em beleza esta fabulosa viagem por quase todos os países da América do Sul.


HERÓIS, DEUSES E OUTRAS CURIOSIDADES


HERÓIS NACIONAIS

VENEZUELA - SIMON BOLIVAR

EQUADOR - ANTÓNIO JOSÉ DE SUCRE

URUGUAI - JOSÉ ARTIGAS
DEUSES INCAS

VIRACOCHA – DEUS SUPREMO

DEUS SOLDEUS DO ARCO-ÍRIS

PACHAMAMA MÃE TERRA


CULTURA INCA

ATAHUALPA – ÚLTIMO IMPERADOR INCA

CUZCO – UMBIGO DO MUNDO

TRAJE DAS MULHERES INCAS

NATIVE WOMEN WEARING

CHAPÉU DE FELTRO
(SEMICIRCULAR FELTHAT)

PONCHO (XAILE)

SAIA RODADA (WIDE SKIRT)


CIDADE DE COPACABANA

(LAGO TITICACA - BOLÍVIA)
Copacabana é a principal cidade do do Lago Titicaca na Bolívia, de onde partem os barcos que fazem a visita à Ilha do Sol, uma ilha sagrada dos incas. Está localizada há 3.841 metros acima do nível do mar e a 155 Km, de La Paz. Faz fronteira com o Peru. O nome deriva da expressão kota kahuana do dialeto aymara, que significa "vista do lago".
Em Copacabana está a igreja
de Nossa Senhora de Copacabana,
onde se encontra uma das imagens mais adoradas da Virgem Maria.
No século XIX uma réplica da imagem da Virgem Maria
foi levada para o Rio de Janeiro, no Brasil, onde foi criada uma pequena igreja para a Nossa Senhora de Copacabana, construída por comerciantes espanhóis. O nome da igreja de Nossa Senhora de Copacabana foi-se difundindo e acabou por dar o nome à Rua Nossa Senhora de Copacabana e ao bairro de Copacabana.




ITINERÁRIO


ABRIL DE 2006

AGÊNCIA ABREU



Programa especial para o Dr. António Rocha

IB 8719 07APR PORTO/MADRID P.09H05 C.11H10
IB 6703 07APR MADRID/CARACAS P.12H20 C.15H20

Transfer in

Hotel Altamira Suites
Av José Félix Sousa, Altamira sur
Caracas

Transfer out

S3 1322 09APR CARACAS/QUITO P.16H30 C.20H10

Hotel Mercure Alameda
Roca 653 y Av. Amazonas
Quito

LP 581 11APR QUITO/LIMA P.20H30 C.22H45
LP 25 12APR LIMA/CUZCO P.06H00 C.07H15

Hotel Ruínas
Calle Ruínas , 472
Cuzco

LP 93 14APR CUZCO/LIMA P.15H15 C.18H05
TA 35 14APR LIMA/LA PAZ P.21H00 C.23H50

El Rey Palace Hotel
Av 20 de Outubro, 1947
La Paz

LA 961 16APR LA PAZ/SANTIAGO P.12H25 C.17H25

Transfer de chegada

Hotel Plaza San Francisco
Alameda 816
Santiago Chile

Transfer out


LA 445 18APR SANTIAGO/B.AIRES P.14H10 C.17H05





Transfer inHotel Amerian ParkViamonte y ReconquistaBuenos Aires


RG 861321APR BUENOS AIRES/RIO JANEIRO P.18H35 C.21H35


Hotel Luxor RegenteAv. Atlântica, 371622070 Rio Janeiro


IB 6802 25APR RIO JANEIRO/MADRID P.19H10 C.09H50IB 3120


26APR MADRID/PORTO P.11H55 C.12H00


DISTÂNCIA LISBOA - CARACAS - 6500 KMS.


PREÇO: 4500 EUROS

2 Comments:

At outubro 02, 2006, Anonymous Vasco Medeiros said...

E por momentos também eu sou viajante por entre vestígios de grandes civilizações ou autêntico turista da àsia profunda em contraste com a china moderna.
Os relatos das viagens são, pois, testemunhos vivos com os quais a identificação é imediata, lançando-me para o cenário descrito como participante activo/turista "virtual", longe da passividade geralmente associada ao exercicio rotineiro da leitura que aqui não tem lugar!

É esta fascinante capacidade de beatífica hipnose que sinto ao devorar os seus testemunhos e que não poderia deixar de destacar neste seu blog.

Por outro lado sinto-me agora mais receptivo e participante, com uma maior vivência e compreensão das vicissitudes deste maravilhoso mundo das viagens e do turismo uma vez que, recentemente, realizei a minha primeira viagem ao estrangeiro e foi logo à Ásia (Hong Kong, Macau, Singapura e Tailândia). Devorei com especial interese a sua viagem à China e senti tudo de forma diferente porque estive MESMO lá (não metafóricamente, mas em presença física, de facto).
Uma sensação que só os viajantes conheçem!

Em relação aos restantes destinos/relatos que tive oportunidade de ler os meus horizontes ficaram ainda mais alargados/receptivos a futuras experiências nesses locais, agora já com outro conhecimento de causa baseado em tão rico e precioso testemunho. E a certeza de continuar a viajar...

Bem-haja caro amigo pelos momentos de agradável Leitura que me proporcionou.

 
At junho 06, 2007, Blogger António Rocha said...

Meu caro amigo Vasco Medeiros

O seu comentário mostra que é uma pessoa culta e sensível. Em relação aos sítios que já visitou,a minha opinião é que Hong Kong e Singapura são cidades muito belas, entre as dez mais belas do mundo, mas não são tipicamente orientais.
Bangkok, com os seus templos, com o seu palácio real, com os seus mercados no meio da rua e com os seus restaurantes nos passeios, parece-me mais tipicamente oriental. De qualquer maneira, há muito mais orientalismo em toda a Índia e em certos sítos de Pequim, como é o caso da cidade proibida, e de Xangai,como é o caso do bairro antigo.
Um grande abraço e votos de boas viagens.

 

Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação

<< Home

------------
 VIAGENS  
GOSTA DO MEU BLOG.
MUITO
MAIS OU MENOS
POUCO
NÃO GOSTA
Current Results
----------- Click for Viseu, Portugal Forecast
  • CRUZEIRO TRANSATLÂNTICO LISBOA-BRASIL
  • CRUZEIRO NO OASIS OF THE SEAS
  • CRUZEIRO NAS CARAÍBAS 2
  • CRUZEIRO DAS CIDADES BÁLTICAS
  • CRUZEIRO NAS CARAÍBAS 1
  • MÉXICO-RIVIERA MAIA
  • MARROCOS
  • EGIPTO
  • ISRAEL
  • BRASIL
  • NORDESTE BRASILEIRO
  • CHINA
  • MALÀSIA
  • TAILANDIA
  • SUDESTE ASIATICO
  • ITALIA
  • MÉXICO,CUBA E SENEGAL
  • BARCELONA
  • ISTAMBUL
  • AMÉRICA DO SUL
  • ÍNDIA NEPAL
  • ESTADOS UNIDOS
  • 4 CIDADES EUROPEIAS
  • TURISMO ESPECIAL
  • CURIOSIDADES DE VIAGENS
  • BAÚ DE RECORDAÇÕES
  • VISEU DE OUTROS TEMPOS
  • ESTRELAS DE CINEMA-MOVIE STARS 1
  • ESTRELAS DE CINEMA-MOVIE STARS 2
  • BEIJOS EM FILMES-MOVIE KISSES
  • CRÍTICAS DE CINEMA
  • CURIOSIDADES DE VIAGENS
  • MARAVILHAS DO MUNDO
  • TEATRO VIRIATO
  • COMPANHIA PAULO RIBEIRO
  • ARTE,ARTISTAS E MUSEUS
  • MUSEU GRÃO VASCO
  • A VIDA AMOROSA DE SALAZAR
  • CASA PIA E APITO DOURADO
  • OBRAS-PRIMAS DA PINTURA ERÓTICA
  • *


    Web Site Counter

    Powered by Blogger

    *

    Mesothelioma Attorney
    Visitantes

    Visitantes do mundo

    free counters

    Obrigado pela visita


    MySpace Layouts pet friendly hotels C a myspace codes myspace quiz Myspace Video Codes

    Obrigado pela visita