> Viagens-pelo-Mundo: VIAGEM AO MÉXICO (RIVIERA MAIA)

Viagens-pelo-Mundo

11/17/2008

VIAGEM AO MÉXICO (RIVIERA MAIA)

CIDADE MAIA DE CHICHÉN ITZÁ


NA PORTA DE ENTRADA, COM O GONÇALO

NAPORTA DE ENTRADA, COM A CATARINA

UMA CASA MAIA

NO CAMPO DO JOGO DA BOLA MAIA

NO CAMPO DO JOGO DA BOLA MAIA

BAIXO RELEVO COM JOGADORES

BAIXO RELEVO COM JOGADORES

NA PIRÂMIDE DE KUKULCAN OU CHICHÉN ITZÁ

CENOTE SAGRADO E POÇO DAS OFERENDAS

NO CENOTE SAGRADO E POÇO DAS OFERENDAS

NA PRAÇA DAS MIL COLUNAS, COM O
TEMPLO DOS GUERREIROS EM FUNDO

NA PRAÇA DAS MIL COLUNAS



CIDADE MAIA DE TULUM

EM TULIM

EM TULUM

PLACARD EXPLICATIVO

EM TULUM

PLACARD EXPLICATIVO

EM TULUM

TULUM

TULUM

O MAR EM TULUM - TULUM SEA

NA PRAIA DE TULUM - IN TULUM BEACH

PLACARD EXPLICATIVO


EM TULUM, COM UMA AMIGA CANADIANA

EM TULUM , COM AMIGOS CANADIANOS


HOTEL RIU YUCATAN



NO RESORT DO HOTEL

NO RESORT DO HOTEL

NA PRAIA DO HOTEL - IN THE HOTEL BEACH


NA PRAIA DO HOTEL - IN THE HOTEL BEACH

UMA INOLVIDÁVEL VIAGEM À RIVIERA MAIA
Já há um ano que não viajava., pois não estava em condições de o fazer. Com efeito, as três operações que tive que fazer a um dos meus olhos, devido a um descolamento muito grave de retina, condicionaram fortemente a minha vida durante mais de um ano. Mas agora estava finalmente em condições de viajar, graças à invulgar competência e dedicação do médico que me operou no Centro Cirúrgico de Coimbra, o Dr. António Travassos.
Pensei inicialmente em visitar Miami e Orlando, nos Estados Unidos da América. Também encarei a hipótese de passar uma temporada nas praias do Natal e de Pipa, no Brasil. Acabei no entanto, por optar por uma visita à Riviera Maia, no México. Na Riviera Maia poderia apanhar sol e poderia fazer visitas culturais. Claro que o mais importante são sempre as visitas culturais, pois o sol envelhece a pele e o bronze desaparece em poucas semanas, enquanto que a cultura enriquece o espírito e permanece toda a vida na nossa memória.
Já tínha ido ao México , numa visita que incluiu as cidades do México, de Taxco e de Acapulco. Nessa visita tive um intenso contacto com a civilização azteca, pois fui à cidade sagrada de Teotihuacan, que fica a 43 quilómetros da capital do México, onde subi às pirâmides do sol e da lua, que são os monumentos mais importantes da civilização azteca.
Nesta segunda viagem ao México voei para Cancún, num voo charter, e fiquei instalado no Riu Yucatan, um hotel de cinco estrelas com resort e praia privativa. Havia inúmeros portugueses no hotel e também em outros hotéis da Riviera Maia. Aproveitei aminha estadia para fazer praia. E reservei dois dias para visitar as cidades de Chichén Itzá e de Tulum, onde se encontram alguns dos principais monumentos da civilização maia.
Os maias foram um povo cientificamente muito evoluído, especialmente nas áreas da matemática e da astronomia. A aritmética maia faz todas as operações com pontos, linhas e caracóis e tem como base o número 20. E o calendário maia está na origem do nosso calendário. Quanto ao povo maia, há muitas semelhanças entre os maias e os mongóis e os chineses. Pensa-se que os maias são originários do Oriente e que emigraram para o continente americano em plena idade do gelo. E, com efeito, os mexicanos desta região são baixos e têm os olhos amendoados, tal como os orientais.
Nesta viagem, o meu principal objectivo era visitar a pirâmide de Chichén Itzá, que foi eleita recentemente, numa votação que teve lugar em Lisboa, como uma das sete novas maravilhas do mundo. Essa pirâmide não se chama Chichén Itzá, embora seja conhecida por esse nome. Na realidade a pirâmide chama-se Kukulcan. A cidade maia onde se encontra a pirâmide é que se chama Chichén Itzá.
Essa cidade fica a cerca de duzentos quilómetros do hotel Riu Yucatan. Para lá nos dirigimos, num autocarro onde viajavam apenas portugueses. O guia que nos acompanhou era um guia mexicano muito competente e falava fluentemente o português. A cidade de Chichén Itzá é património da UNESCO. A pirâmide de Kukulcan é obviamente a principal atracção. Mas a cidade não se resume à Pirâmide de Kukulcan. É uma cidade enorme, que demora muito tempo a percorrer. Nela visitámos o campo do jogo da bola maia, onde fotografei um muro com baixos-relevos que mostram os sete jogadores de cada equipa e a maneira como o jogo se jogava. Os jogadores não podiam utilizar as mãos nem os pés. Só era permitido jogar com as partes laterais do corpo. O objectivo era introduzir a bola numa argola. O capitão da equipa vencida era morto e oferecido em sacrifício aos deuses maias. Era dado chocolate quente com uma droga, que era a bebida dos deuses, às pessoas que iam ser sacrificadas, para tornar a sua morte mais suportável.
Além da pirâmide de Kukulcan e do campo do jogo da bola também visitei em Chichén Itzá a praça das mil colunas, o templo dos guerreiros e o poço das oferendas. Neste poço foram encontrados objectos de ouro e de prata e ossadas humanas de crianças e de raparigas adolescentes, o que prova que essas oferendas também incluíam sacrifícios humanos.
A segunda cidade maia que visitei, Tulum, é uma cidade muito diferente de Chichén Itzá. Fica situada à beira mar e tem mesmo uma praia maravilhosa. A cidade encontra-se no meio de uma verdejante floresta. O único problema é que tem muitos mosquitos, que por sinal só morderam a simpática canadiana que lá conheci e que me acompanhou durante toda a visita. Pelos vistos os mosquitos de Tulum gostam mais de raparigas jovens e bonitas do que de velhos como eu. Essa moça, que ia acompanhada da irmã e do cunhado, tirou-me muitas fotografias junto aos belíssimos edifícios, palácios e templos da paradisíaca cidade de Tulum. Esta zona de Tulum, que além das ruínas maias inclui praias maravilhosas e hotéis de luxo, é a zona mais bela da Riviera Maia. Com esta visita à Riviera Maia continuei o meu estudo in loco das culturas pré-colombianas americanas. E fiquei a conhecer a Riviera Maia, um dos destinos turísticos mais  famosos em todo mundo.
VIAGEM À RIVIERA MAIA
BERRELHAS TURISMO - VISEU
VOO CHARTER
08-12-2008 - LISBOA-CANCUN
ESTADIA NA RIVIERA MAIA
HOTEL RIU YUCATAN
15-12-08 - CANCUN -LISBOA
PREÇO - 1600 EUROS

2 Comments:

At dezembro 20, 2008, Anonymous Rui Lopes said...

Um português a atravessar a América de sul a norte durante mais de 2 anos

http://viajardemoto.blogspot.com/

 
At fevereiro 26, 2010, Anonymous Anónimo said...

A Riviera Maia e simplemente maginifica! Obrigado Royal Holiday!

 

Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação

<< Home

------------
 VIAGENS  
GOSTA DO MEU BLOG.
MUITO
MAIS OU MENOS
POUCO
NÃO GOSTA
Current Results
----------- Click for Viseu, Portugal Forecast
  • CRUZEIRO TRANSATLÂNTICO LISBOA-BRASIL
  • CRUZEIRO NO OASIS OF THE SEAS
  • CRUZEIRO NAS CARAÍBAS 2
  • CRUZEIRO DAS CIDADES BÁLTICAS
  • CRUZEIRO NAS CARAÍBAS 1
  • MÉXICO-RIVIERA MAIA
  • MARROCOS
  • EGIPTO
  • ISRAEL
  • BRASIL
  • NORDESTE BRASILEIRO
  • CHINA
  • MALÀSIA
  • TAILANDIA
  • SUDESTE ASIATICO
  • ITALIA
  • MÉXICO,CUBA E SENEGAL
  • BARCELONA
  • ISTAMBUL
  • AMÉRICA DO SUL
  • ÍNDIA NEPAL
  • ESTADOS UNIDOS
  • 4 CIDADES EUROPEIAS
  • TURISMO ESPECIAL
  • CURIOSIDADES DE VIAGENS
  • BAÚ DE RECORDAÇÕES
  • VISEU DE OUTROS TEMPOS
  • ESTRELAS DE CINEMA-MOVIE STARS 1
  • ESTRELAS DE CINEMA-MOVIE STARS 2
  • BEIJOS EM FILMES-MOVIE KISSES
  • CRÍTICAS DE CINEMA
  • CURIOSIDADES DE VIAGENS
  • MARAVILHAS DO MUNDO
  • TEATRO VIRIATO
  • COMPANHIA PAULO RIBEIRO
  • ARTE,ARTISTAS E MUSEUS
  • MUSEU GRÃO VASCO
  • A VIDA AMOROSA DE SALAZAR
  • CASA PIA E APITO DOURADO
  • OBRAS-PRIMAS DA PINTURA ERÓTICA
  • *


    Web Site Counter

    Powered by Blogger

    *

    Mesothelioma Attorney
    Visitantes

    Visitantes do mundo

    free counters

    Obrigado pela visita


    MySpace Layouts pet friendly hotels C a myspace codes myspace quiz Myspace Video Codes

    Obrigado pela visita